BC lança moedas comemorativas dos 200 anos da Independência do Brasil; veja imagens

Moeda de prata custa R$ 420 e a de cuproníquel, a primeira com cores do Brasil, R$ 34

BC (Banco Central) lançou nesta terça-feira (26) duas moedas em comemoração aos 200 anos da Independência do Brasil, celebrado em 7 de Setembro. Uma delas é de prata e a outra de cuproníquel.

A moeda de prata tem valor de face de R$ 5 e está sendo vendida a R$ 420. A tiragem inicial é de 5.000 unidades, mas pode chegar a 20 mil.

Ela traz a imagem do imperador Dom Pedro I, inspirada da litografia de Sebastien Sisson, e uma representação do quadro Sessão do Conselho de Estado, de Georgina de Albuquerque. O item, de 40 mm de diâmetro, acompanha uma caixa e um pequeno encarte com informações.

BC lança moedas comemorativas dos 200 anos da Independência
BC lança moedas comemorativas dos 200 anos da Independência – Divulgação

“A [moeda] de prata apresenta a sessão do Conselho de Estado, presidida pela princesa D. Leopoldina e com a participação de José Bonifácio, na qual foi tomada a decisão de enviar cartas a D. Pedro aconselhando-o a romper com a Coroa portuguesa”, disse o BC.

Já a moeda de cuproníquel tem uma faixa verde e amarela, em referência à bandeira do Brasil, e é a primeira moeda brasileira com cores. Ela é inspirada no quadro Independência ou Morte, de Pedro Américo, de 1888, uma das mais famosas deste período.

A moeda de cuproníquel tem 30 mm de diâmetro e é de R$ 2, vendida a R$ 34. Serão produzidas de 10 mil a 40 mil unidades. Ela será entregue fixada a um cartão com a imagem do quadro e, no verso, suas características.

“A [moeda] de cuproníquel mostra o Grito da Independência, em que D. Pedro, ao receber as cartas da princesa e do ministro José Bonifácio, proclama a Independência do Brasil, às margens do Rio Ipiranga”, informou o Banco Central.

“Já o reverso da moeda de cuproníquel traz uma novidade: pela primeira vez em uma moeda brasileira será usado o recurso da cor. Nesse caso, as cores verde e amarela, escolhidas por D. Pedro I logo após a Independência, aparecem em uma faixa em movimento. Essas cores são provenientes das casas de Bragança e Habsburgo e foram usadas na Bandeira do Brasil desde o Primeiro Império, tornando-se um símbolo nacional.”

As duas moedas trazem no verso a primeira estrofe do Hino da Independência: “Já podeis, da Pátria filhos, / Ver contente a mãe gentil; / Já raiou a liberdade / No horizonte do Brasil”.

A venda, iniciada nesta terça, será feita exclusivamente pelo site do Clube da Medalha da Casa da Moeda do Brasil. O site é www.clubedamedalha.com.br/catalogo-de-produtos.

“O Grito do Ipiranga, como ficou conhecido o ato de Dom Pedro I que marcou a data de 7 de Setembro de 1822, consolidou a vontade dos brasileiros de constituir uma nação independente, livre e soberana. As duas moedas que lançamos hoje retratam esse momento histórico, que foi enfrentado com coragem e teve como desfecho a independência do nosso país”, afirmou o presidente do BC, Roberto Campos Neto.

“As moedas que nós lançamos hoje nos contam momentos decisivos da história do nosso país e marcam a efeméride dos 200 anos da Independência do Brasil, sendo que a moeda de cuproníquel é a primeira moeda brasileira com uso de cores”, afirmou a Diretora de Administração do Banco Central, Carolina Barros.

Please follow and like us:
RSS
Follow by Email
Twitter
Visit Us
Follow Me
YouTube
YouTube
Instagram
Telegram

RSS
Follow by Email
Twitter
Visit Us
Follow Me
YouTube
YouTube
Instagram
Telegram