5 lugares inusitados para transar pelo menos uma vez na vida

Engana-se quem pensa que hotéis luxuosos e com vista para paisagens deslumbrantes são os únicos lugares excitantes nos quais as pessoas deveriam fazer sexo antes de morrer. Tudo bem, eles até podem fazer parte do roteiro. Mas vale lembrar que existem outras alternativas igualmente picantes, e que podem levar seu prazer à máxima potência.

Confira, a seguir, um guia com locais inusitados e excitantes para quem curte uma transa diferente. Com pitadas de adrenalina, eles ajudam a sair da rotina, a apimentar a relação e até mesmo a virar uma memória “caliente“, esquentando as próximas ficadas. 


0

Tem opções para todos os gostos: ao ar livre, em terra firme, no balanço do mar, nas alturas… Antes da leitura, vale o recado: bom senso é sempre bem-vindo. 

Fuga da rotina

De acordo com a sexóloga Daniela Fontinele, fazer sexo em lugares diferentes é interessante para sair da rotina. “Muitos casais acabam ficando presos, repetindo até as posições”, explica.

Ela ressalta que, muitas vezes, mudar o ambiente é interessante para apimentar a relação. “Pode ser divertido e espontâneo”, explica. Anote as dicas e aventure-se! 

Aventureiros iniciantes: no carro

A sexóloga Julia Cepeda, da Share Your Sex, lembra do clássico sexo no carro. “Quem nunca fez, vale fazer ao menos uma vez na vida. Mas, atenção, é preciso certa flexibilidade, e também ficar atento ao local onde irá parar o carro”, indica a especialista. 

No balanço das ondas

Barco, navio e tudo que flutue no mar e te permita sentir o balanço das águas é outra boa pedida. A dica é de Dani Fontinele. “Essa sensação é interessante para algumas pessoas”, garante.

O conselho, nesse caso, é ficar sempre atento à movimentação ao redor, afinal, por mais que os envolvidos curtam o exibicionismo, é preciso lembrar que nem são obrigados a presenciar a cena.

No ar

A sexóloga Dani Fontilene dá mais uma dica que, além de diferentona, pode ser ultraromântica: no balão. “A ideia é interessante, porém, requer alguns cuidados como a segurança”, orienta a especialista. O desafio, aqui, é encontrar um “piloto” que concorde e permita que você desfrute dessa experiência. 

Ao ar livre: trilha do amor

Quem já pensou em dar uma paradinha em uma trilha para uma rapidinha? Julia Cepeda aponta que a experiência é única: “Vale ser experimentado ao menos uma vez na vida. Mais uma vez, é um tipo de sexo que requer atenção com a segurança e com a disposição”, alerta. Afinal, após a trilha e a transa, é preciso ter fôlego para voltar. 

Em águas calmas 

O sexo na praia é favorito de casais que buscam adrenalina e gostam de sentir a liberdade. O mais recomendado, no entanto, é buscar um local que aceite esse tipo de proposta, mais comum em resorts para o público adulto, e voltados para essa prática. O mesmo vale para outros ambientes, como piscinas e cachoeiras. “Vale levar uma canga ou toalha nos dois locais, tanto para se proteger quanto se for deitar no chão, ou para cobrir algo, se for preciso”, aconselha. Não esqueça, ainda, do repelente. 

Cuidados

Independentemente da opção escolhida, os cuidados com a segurança pessoal vem sempre em primeiro lugar. E atenção: caso vá fazer surpresa, leve em conta se a parceira também curte essa sensação. 

“Tem muita gente que gosta da sensação de quase ser pego, aquela respiração ofegante do perigo que está correndo acaba excitando algumas pessoas. No entanto, há quem broxe com isso. Então, conheça bem sua companhia antes de tentar surpreender”, aconselha Dani. 

Para ela, mais que propiciarem momentos únicos, essas vivências têm a chance de se tornaram boas memórias. “E será lembrado e fantasiado depois, e até mesmo pode ser motivo de muitas risadas”, finaliza. 

O post 5 lugares inusitados para transar pelo menos uma vez na vida apareceu primeiro em Metrópoles.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.