Adolescentes de 14 anos serão vacinados nesta sexta-feira, 10

Capivari de Baixo está muito próximo de concluir sua segunda etapa de imunização do público vacinável (adultos e adolescentes). Nesta sexta-feira, 10, das 15 às 18h (ou até durarem as doses), as pessoas de 14 anos receberão sua primeira aplicação na ESF Centro II, na rua João Ernesto Ramos, 110.

>> Quer receber notícias por WhatsApp? Acesse aqui 

A partir de segunda-feira, 13, o município terá somente duas idades pela frente para seguir na campanha, 12 e 13 anos. Essas duas faixas etárias ainda não têm datas definidas pela Vigilância Epidemiológica. As crianças (6 meses a 11 anos) deverão ser vacinadas somente em 2022, conforme cronograma federal do Ministério da Saúde.

O prefeito Dr. Vicente Costa pede aos moradores para não deixar passar a data da segunda dose e, aos idosos, que fiquem atentos à dose de reforço – já liberada para algumas idades. “Somos uma cidade forte, unida e, juntos, vamos vencer esta pandemia e retomar todas as atividades de antes da Covid”, planeja o gestor público.

O atual cronograma de vacinação segue nesta quinta-feira, 09, e sexta com a imunização de doses complementares aos que receberam a primeira vacina AstraZeneca entre maio e junho, mas com intervalo de 70 dias até agora, além da repescagem para quem tem 15 anos ou mais, das 7h30 às 11h30, e das 13h15 às 15h30, também no posto Centro II.

Campanha prossegue em 2022

Até o momento, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) não autorizou a aplicação de nenhuma vacina contra a Covid-19 em crianças. Isto deverá ocorrer somente no próximo ano. O imunizante da Pfizer é o único com autorização para ser usado em adolescentes (12 aos 17 anos) e já é aplicado nesta faixa etária em diversas cidades do país, assim como em Capivari de Baixo, uma das mais adiantadas de Santa Catarina, que chega aos 14 anos amanhã.

O que se sabe sobre as vacinas em relação às crianças?

Pfizer: No Brasil, a vacina da Pfizer tem a autorização da Anvisa para ser aplicada em pessoas a partir dos 12 anos. A farmacêutica, em parceria com a BioNTech, já iniciou os estudos para verificar a segurança e a eficácia do imunizante na faixa etária entre 6 meses e 11 anos de idade. A expectativa é de que os primeiros resultados da pesquisa sejam publicados até o final deste ano.

AstraZeneca: a Universidade de Oxford chegou a anunciar um estudo sobre o uso da vacina na faixa etária entre 6 e 17 anos, mas suspendeu as pesquisas depois que problemas envolvendo coágulos sanguíneos raros foram notificados em adultos vacinados com o imunizante.

CoronaVac: a Anvisa negou o pedido do Instituto Butantan para ampliar a autorização de uso emergencial da vacina para crianças e adolescentes entre 3 e 17 anos. Segundo a agência, os dados apresentados sobre a segurança e a eficácia do imunizante na faixa etária foram considerados insuficientes, assim como o número de participantes do estudo. Na China, país onde o imunizante foi desenvolvido, a aplicação foi liberada para a população pediátrica a partir dos 3 anos com base nos resultados dos estudos de fase 1 e 2; a fase 3 ainda não foi concluída.

Janssen: a Janssen, braço farmacêutico da Johnson & Johnson, tem a aprovação da Anvisa para realizar testes da vacina em adolescentes com idades entre 12 e 17 anos no Brasil, mas não há uma previsão sobre quando o imunizante será testado em crianças.

Fonte: Assessoria de Comunicação/PMCB

The post Adolescentes de 14 anos serão vacinados nesta sexta-feira, 10 appeared first on Revista Única.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.