Após descarrilamento, e com Estação Central fechada, Metrô-DF opera com lentidão

A Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) informou, na manhã desta terça-feira (14/9), que, por enquanto, 10 trens estão em operação nesta manhã, após o descarrilamento de um carro do metrô na noite de segunda-feira (13/9).

Ainda de acordo com o Metrô-DF, em função das ações de manutenção tanto em Central quanto no trecho entre Shopping e Asa Sul, os trens estão entrando em linha aos poucos.

A Estação Central ficará fechada na manhã desta terça. Ainda não sabe o que ocasionou o incidente. O vagão saiu dos trilhos entre as estações Central e Galeria.

“O Metrô-DF segue trabalhando para restabelecer a operação no trecho Central-Galeria o mais rapidamente possível e vai abrir investigação para apurar as causas e as circunstâncias do incidente”, assinalou a empresa, após o incidente.

Segundo passageiros que estavam no metrô no momento do ocorrido, eles viveram “momentos de terror”. Por sorte, ninguém se feriu. A estudante Ingrid Borges, 24 anos, viajava sentido Central e passava pela estação Galeria quando avistou um trem parado em manutenção na linha de sentido contrário.

“O trem que estávamos também parou. O maquinista parou para verificar e desceu até a outra ponta do metrô. Nisso, ouvimos um estalo e teve um estouro nos três primeiros vagões. Chegamos a ver uma explosão e, em seguida, um apagão. Foi um terror. Passei mal, tive crise de pânico. O trem descarrilou”, explicou.

“O maquinista tentou voltar sentido Galeria, foi quando o trem descarrilou e houve a explosão. Todo mundo ficou muito assustado. O que deu mais medo foi o metrô vibrando com outros carros. Ficamos com medo de chegar outro trem. Os seguranças nos guiaram até a Estação Central”, completa a estudante.

Veja a íntegra da nota do Metrô-DF:

“O Metrô-DF informa que, por volta das 20h desta segunda, 13, houve uma ocorrência com um trem próximo à Estação Central, sem vítimas e sem maiores danos ao sistema. Imediatamente, a Companhia efetuou a evacuação do trem e isolou a estação para tomar as providências necessárias de manutenção da linha. O Metrô-DF segue trabalhando para restabelecer a operação no trecho Central-Galeria o mais rapidamente possível e vai abrir investigação para apurar as causas e as circunstâncias do incidente. A Companhia esclarece ainda que realiza manutenções preventivas periódicas em todo o sistema, que continua com todos os protocolos que garantem a segurança do usuário. Amanhã, a Central estará fechada para a manutenção.”


0

O post Após descarrilamento, e com Estação Central fechada, Metrô-DF opera com lentidão apareceu primeiro em Metrópoles.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.