Auxiliar que fingiu aplicar vacina é condenada por improbidade

Configura ato de improbidade administrativa a conduta do agente público, prevista no artigo 11 da Lei 8428/92, que não observa seu dever de probidade, independentemente de dano patrimonial.
Simular a aplicação de vacina caracteriza improbidade administrativa
Marcello Casal Jr/Agência Brasil…
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.