Brasiliense fica no empate sem gols contra a Ferroviária

Na tarde deste domingo (12/9), o Brasiliense recebeu a Ferroviária para o primeiro jogo entre as equipes na segunda fase da Série D. No Estádio Defelê, o que se viu foi um jogo de forte marcação e poucas chances criadas. Com uma disciplina defensiva perfeita entre as duas partes, o placar terminou empatado em 0 x 0, e ninguém vai com a vantagem para o jogo de volta.

A segunda partida acontece no próximo sábado (18/9), às 17h, na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, no interior de São Paulo. O gol fora não conta como critério desempate para definir o classificado para as oitavas de final.

Jogo de marcação

A forte marcação foi o grande destaque nos primeiros minutos de jogo. A Ferroviária iniciou com três zagueiros, e o Brasiliense ajustava bem as linhas em zona. O primeiro lance com chance de gol saiu antes dos dois minutos, mas sem muito perigo. Em uma cobrança de lateral, Júnior Vitor recebeu dentro da área, mas sem equilíbrio, finalizou para fora.

O Jacaré chegou na bola parada aos 13 minutos. Alan Mineiro levantou para a área e Badhuga desviou de leve, mas a bola foi no meio do gol e Saulo encaixou com segurança. Na reposição, o goleiro quebrou a bola para o campo de ataque e Peu recuou mal no contra pé de Edmar Sucuri, que conseguiu se recuperar e dividir com Luan na hora da finalização desviando para escanteio.

O jogo seguia com fortes preocupações defensivas, o que fez o Jacaré ter outra chance somente aos 38 minutos, no chute de Sandy que pegou de primeira do meio da rua e mandou pelo lado direito. A Ferroviária só respondeu nos acréscimos em uma boa jogada. Jefinho limpou a marcação e bateu em cima de Edmar Sucuri, que rebateu a bola. Na sobra, Luan bateu por cima do gol.


0

Segundo tempo amarelo

Com mais velocidades, o Jacaré voltou melhor para o segundo tempo, e sufocou nos 15 minutos iniciais. Aos sete, em uma sobra na pequena área, Tobinha chegou dividindo com Saulo e bateu para fora com muito perigo. Aos 12, Zé Love bateu uma falta descaindo e Saulo tirou de soco.

A Ferroviária só conseguiu assustar aos 14 minutos, em bola parada. Na cobrança de escanteio, Bruno Leonardo antecipou a defesa e cabeceou por cima. O Jacaré respondeu três minutos depois. Na bola espirrada dentro da área, Saulo espalmou para escanteio evitando o toque de Zé Love que seria fatal.

Aos 22, Zé Love pediu novamente a bola para uma cobrança de falta frontal e com certa distância. O camisa 9 bateu com força no canto direito, mas Saulo caiu para ficar com a bola.

Mais uma vez com Zé Love cobrando falta, o Brasiliense conseguiu outra finalização, aos 47 minutos. O atante colocou no ângulo, mas Saulo fez a ponte e jogou para linha de fundo. E foi o fim das emoções do jogo. 0 x 0 e a decisão vai para Araraquara.

BRASILIENSE 0 X 0 FERROVIÁRIA

Série D 2021 – Segunda fase – jogo de ida

12/09/2021, 15h – Estádio Defelê, Vila Planalto-DF

Árbitro: Irinaldo Jorge dos Santos Silva-BA

A1: Marcos Welb Rocha Amorim-BA

A2: José Carlos Oliveira dos Santos-BA

4º árbitro: Marcello Rudá-DF

BRASILIENSE

Edmar Sucuri; Aldo, Badhuga, Gustavo Henrique e Peu; Sandy, W. Balotelli e Alan Mineiro (Didira); Tobinha (Maicon Assis), Luquinhas (Carlos Eduardo) e Zé Love (Victor Rangel)

Técnico: Luan Carlos

Cartões amarelos: Zé Love

FERROVIÁRIA

Saulo; Bernardo, Léo Souza (Gustavo Medina), Léo Rigo, Bruno Leonardo e Bruno Santos; Ian Lucas, Marquinhas e Júlio Vitor (Victor Paraíba); Luan (Léo Castro) e Jefinho (Gleyson)

Técnico: Elano

Cartões amarelos: Elano

O post Brasiliense fica no empate sem gols contra a Ferroviária apareceu primeiro em Metrópoles.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.