Cientistas criam tecido para ajudar humanos a resistir ao calor extremo

Pesquisadores chineses anunciaram a criação do chamado metafabric, um tecido que é feito com fibras sintéticas e nanopartículas que tem a capacidade de refletir a luz solar e criar uma sensação de resfriamento.

Para demonstrar a capacidade da nova tecnologia, um estudante da Universidade de Zhejiang (China) usou um colete metade feito do metafabric e a outra metade com algodão.

+ Síndrome da Caverna: saiba por que pessoas estão com medo de voltar à rotina

Após ficar sentado sob a luz solar por uma hora, a sua temperatura corporal foi medida e a parte coberta pelo tecido tecnológica estava 5 °C mais fria, relataram os pesquisadores em artigo publicado na revista Science.

Além de reduzir os impactos do calor extremo sobre o corpo humano, a expectativa dos cientistas é que o tecido ajude a desacelerar as mudanças climáticas a partir da redução do uso do ar-condicionado, que por sua vez impacta na redução do consumo de energia elétrica.

O post Cientistas criam tecido para ajudar humanos a resistir ao calor extremo apareceu primeiro em ISTOÉ DINHEIRO.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.