Com oferta restrita de ações, Sinqia busca expandir estratégia de aquisições e acelerar execução

SÃO PAULO – A provedora de tecnologia Sinqia (SQIA3) anunciou no começo do mês a captação de R$ 400 milhões em oferta restrita, precificando a ação a R$ 23.

Com o aumento de capital, a Sinqia passará de um capital de R$ 413,2 milhões, distribuídos em 70,5 milhões de ações ordinárias, para R$ 813,3 milhões, divididos em 87,9 milhões de ações ordinárias.

A oferta da Sinqia é 100% primária, ou seja, o montante captado na oferta irá direto para o caixa da empresa; 17,4 milhões de ações foram colocadas em circulação no mercado.

A companhia destacou que pretende investir os recursos líquidos obtidos com a oferta restrita para seu crescimento inorgânico, em especial, na ampliação de sua participação no mercado de softwares aplicativos para o setor financeiro, por meio de potenciais transações de investimentos e aquisições de participação em ativos, negócios e empresas considerados estratégicas para estratégia da Sinqia.

Thiago Rocha, CFO da empresa, destacou em nota ao InfoMoney. “No Brasil, o mercado de softwares destinado ao segmento de aplicativos para vertical financeira movimenta R$ 5,8 bilhões por ano, segundo dados da Associação Brasileira das Empresas de Software (ABES). A Sinqia é líder nesse mercado com uma participação de 6,8%, tamanha a fragmentação. Nossa empresa está preparada para ser o player dominante e protagonizar a onda de consolidação que está se formando. A oferta de ações vem suportar esse plano, nos permitindo expandir a estratégia de M&A [fusões e aquisições] e acelerar a execução.”

A Levante Ideias de Investimentos ressalta que parte central da estratégia da Sinqia passa pela aquisição de outras empresas para expansão da base de clientes e soluções, que vem trazendo crescimento acelerado para a companhia no passado recente.

“Dessa forma, enxergamos como positiva a oferta de ações no longo prazo, uma vez que ela trará capital para que a empresa continue a comprar novas companhias no curto prazo, como vem fazendo nos últimos anos”, avaliam os analsitas.

Eles entendem essa oferta restrita também como uma resposta a um ambiente mais competitivo por parte da Sinqia, com a entrada da B3 (B3SA3) no segmento, que, com o mercado mais aquecido, pode causar um aumento no valuation das aquisições de ambas as companhias.

A Levante aponta ainda que a operação deve trazer dois efeitos importantes no curto prazo: reforço de caixa e uma difusão ainda maior do capital, visto que mais de 80% de suas ações estão em circulação no mercado e quase 70% do capital social da empresa está nas mãos de pequenos acionistas, com posições individuais abaixo de 5%. “Com a entrada de novas ações que serão colocadas à disposição do público, esses percentuais tendem a aumentar”, conclui.

Conheça o plano de ação da XP para você transformar os desafios de 2022 em oportunidades de investimento.

The post Com oferta restrita de ações, Sinqia busca expandir estratégia de aquisições e acelerar execução appeared first on InfoMoney.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.