Covid: Franca, SP, confirma 1º caso da delta; paciente não precisou de internação e está recuperada


Nesta quarta-feira (15), cidade também registrou 106 novas infecções e duas mortes. Hospitais têm 32 internados em 71 vagas para tratamento intensivo contra a doença. Secretaria de Saúde confirma primeiro caso da variante delta da Covid em Franca
Getty Images via BBC
Franca (SP) confirmou nesta quarta-feira (15) o primeiro caso da variante delta da Covid-19 no município.
De acordo com a Prefeitura, a cidade foi notificada na terça-feira (14) sobre o sequenciamento feito em uma amostra positiva da doença.
A paciente é uma mulher de 32 anos, que teve sintomas leves da Covid-19, não precisou ser internada e está recuperada.
Agentes da Vigilância Epidemiológica fizeram o monitoramento da paciente, dos familiares e das pessoas com quem ela teve contato. Todos passam bem.
A mulher havia tomado uma dose da vacina contra o coronavírus quando foi infectada.
Boletim da Saúde
Nas últimas 24 horas, Franca registrou 106 novos casos de Covid-19 e duas mortes, apontam dados do boletim epidemiológico desta quarta-feira.
As vítimas são um homem de 53 anos sem comorbidades e uma mulher de 74 com histórico de outras doenças.
Com a atualização, subiu de 43.108 para 43.214 o total de infectados desde o início da pandemia. Os óbitos foram 974.
De acordo com os dados, houve acréscimo de 145 casos suspeitos da doença em 24 horas, passando de 4.722 para 4.867.
A cidade ainda totaliza 75.090 exames negativos de coronavírus e 36.808 moradores curados.
Situação dos hospitais
Nesta quarta, a ocupação nas unidades de terapia intensiva (UTI) está em 45,07%, com 32 internados em 71 vagas.
UTI pública: 58 vagas / 25 internados: 43,1% de ocupação
UTI particular: 13 vagas / 7 internados: 53,8% de ocupação
Nas enfermarias, a ocupação é de 72%, com 18 pacientes internados em 25 vagas.
Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão Preto e Franca
VÍDEOS: Tudo sobre Franca e região
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.