CSN acerta compra por R$ 1 bilhão de 3ª maior fábrica de cimento do País

A CSN comunicou ao mercado, na manhã desta sexta-feira (10/9), que comprou 100% da fábrica de cimento Holcim (ex-LafargeHolcim). O negócio avaliado em US$ 1,025 bilhão reposiciona a companhia para cima no ranking de cimenteiras no país.

CSN Cimentos – em busca de capital para aquisições

A Holcim é a maior fabricante de cimento do mundo. O grupo franco-suíço havia anunciado, em abril, que deixaria o Brasil e previa vender seus ativos no país, que valeriam cerca de US$ 1,5 bilhão (o equivalente a R$ 8,35 bilhões).

BRASIL

No Brasil, a  Holcim é o terceiro maior produtor de cimento, atrás da Votorantim e Intercement, ocupando uma fatias 10% do mercado, segundo analistas de mercado. Esse percentual, quando o negócio for concluído passa a ser ocupado pela CSN.

Com a compra, a CNS Cimento, braço da siderúrgica para o segmento, vai acrescentar 10,3 milhões de toneladas de cimento à sua capacidade produtiva, que hoje está em cerca de 6 milhões de toneladas.

Será a segunda aquisição da CSN Cimentos, braço da siderúrgica para o segmento, em menos de quatro meses. No fim de junho, a empresa adquiriu a cimenteira Elizabeth por mais de R$ 1 bilhão do fundo Farallon.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.