Dezenove mineradores encontrados mortos na China

Dezenove mineiros chineses, soterrados após o colapso de uma mina de carvão, foram encontrados mortos nesta segunda-feira(13), após uma grande operação de resgate, informou a mídia estatal.

No total, 21 pessoas trabalhavam na mina Chaidaer na remota província de Qinghai, noroeste da China, quando uma estrutura desabou repentinamente em 14 de agosto, informaram autoridades locais.

Um sobrevivente e uma vítima fatal foram levados à superfície dias após o incidente, mas os socorristas não conseguiram chegar até os demais trabalhadores antes desta segunda-feira.

“Na madrugada de segunda-feira, o principal trabalho de resgate terminou. Os 19 indivíduos bloqueados foram encontrados na busca, nenhum deles com sinais vitais”, informou a rede estatal CCTV.

Segundo a emissora, mais de mil pessoas participaram da operação, que durou quase 30 dias em condições extremas a mais de 3.800 metros de altitude.

A mina fica no vasto planalto entre Qinghai e o Tibete, conhecido como “telhado do mundo”, uma região pouco povoada e com clima rigoroso.

Acidentes em minas são comuns na China, onde regras de segurança muitas vezes não são cumpridas.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.