Em SP, palhocenses participam do Connected Smart Cities & Mobility

A secretária de Administração de Palhoça, Cristina Schwinden, e a diretora de Projetos, Concessões e Parcerias Público-Privadas, Aline Bittencourt Medeiros, participaram da sétima edição do evento nacional Connected Smart Cities & Mobility, realizado no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo, entre os dias 1 e 3 de setembro. Cristina e Aline apresentaram a experiência de Palhoça no planejamento e na elaboração de projetos e ações característicos de “cidades inteligentes”.

Neste ano, o evento teve o formato híbrido, com dos dias presenciais, com transmissão simultânea em mídias digitais, e um terceiro dia somente digital. Foram mais de 300 palestrantes; aproximadamente 600 pessoas compareceram nos dois primeiros dias de evento; e na internet, foram registrados 2.200 acessos na plataforma de transmissão online.

Foram três dias de debates, apresentando e discutindo sobre as melhores práticas para o desenvolvimento de cidades mais inteligentes, a revolução da mobilidade urbana e a retomada e inovações do setor aéreo. Além disso, houve muita interação e troca de conhecimento entre todos dentro do evento presencial e através do aplicativo.

{image:2:grande}{image:2:description}

Os palestrantes realizaram apresentações de altíssimo nível, entre 75 painéis transmitidos ao vivo em 12 palcos presenciais e virtuais. O evento contou com a presença de representantes de diversas empresas, organizações e prefeituras e mais de 80 reuniões de negócios foram realizadas presencialmente e através das salas virtuais, enfatizando o perfil do evento, que se destaca como “o que mais gera negócios para os mercados de cidades, mobilidade urbana e setor aéreo no país”.

– O evento nacional, que debateu o futuro das cidades e como transformá-las em um ambiente mais inteligente para o cidadão, é um dos mais importantes do país. Palhoça novamente foi representada, apresentando suas ações e planos, debatendo novas ideias e trazendo mais inspiração para os projetos que estão sendo realizados no município -, avalia a secretária Cristina Schwinden.

– Tivemos a oportunidade de mostrar, no evento, como o uso da tecnologia tem sido aplicado em Palhoça, mostrando a importância de termos um ambiente inteligente e transparente, que tem aproximado cada vez mais o cidadão da gestão municipal. O município tem sido destaque na participação em diversos eventos sobre cidades inteligentes e esses eventos são ótimos pela troca de experiências, contribuindo para trazermos novas ideias e projetos para Palhoça -, define Aline.

A diretora de Projetos, Concessões e Parcerias Público-Privadas explicou aos participantes que Palhoça registrou um crescimento expressivo nos últimos 20 anos, com projeção de duplicar a população atual nos próximos 10 anos. Essa expansão acelerada faz com que os gestores públicos precisem desenvolver projetos cada vez mais inovadores, com a missão de transformar Palhoça em uma cidade verdadeiramente inteligente, acompanhando o crescimento populacional e atendendo à demanda por serviços ágeis e eficientes.

– Acreditamos que só seremos inteligentes se conseguirmos promover o bem-estar dos cidadãos palhocenses. Nosso foco está além de cidades tecnológicas: estamos em busca da simplificação dos processos, humanização do atendimento, eficiência dos serviços e recursos públicos e transparência das informações -,  sustenta.

Uma das ações empreendidas pela Prefeitura citadas na apresentação foi a criação do painel de informações que manteve a população atualizada sobre o andamento da pandemia de Covid-19 no município.

Por falar em Covid-19, o acesso presencial de todos palestrantes e participantes só foi permitido após ser exigido o Passaporte da Vacina, conforme decreto estadual de SP válido a partir de 1 de setembro. Os convidados apresentaram o comprovante da primeira dose contra a Covid-19, fizeram o teste PCR e, após negativar, foram liberados para o evento.

{image:3:grande}{image:3:description}

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.