Embaixada brasileira localiza Zé Trovão no México e caminhoneiro deve ser preso

O caminhoneiro catarinense Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, anunciou nesta quinta-feira, 9, que está em um hotel no México e que provavelmente será preso pela polícia.

Em vídeo, ele convoca os “motoqueiros” à Brasília e fala que em algum momento deve ser preso. Segundo Zé Trovão, a embaixada brasileira no país latino-americano entrou em contato com o hotel em que ele está hospedado.

“Eu não cometi nenhum crime. Eu estou indo par ao Brasil provavelmente preso. Preso politicamente por ‘crime de opinião’. Tudo o que estou fazendo é pelo nosso país. Nos ajude, pelo amor de Deus”, diz o caminhoneiro.

Mandado de prisão

O mandando de prisão contra o caminhoneiro foi expedido no dia 3 de setembro. A decisão foi solicitada pela Procuradoria-Geral da República, após decisão do ministro Alexandre de Moraes, por ataques contra o Poder Judiciário e apoio às manifestações antidemocráticas.

No mesmo dia, o catarinense afirmou que iria se entregar na terça-feira, 7, no Dia da Independência do Brasil. Porém, não cumpriu o que disse.

Assista ao vídeo:


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube

The post Embaixada brasileira localiza Zé Trovão no México e caminhoneiro deve ser preso appeared first on O Município.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.