• New Page 1

    RSSFacebookYouTubeInstagramTwitterYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTube  

    AGÊNCIA JF | Social - Repositório

Covid puxa aumento e casos de síndrome respiratória grave têm 95% de chance de alta em SC

Santa Catarina tem 95% de tendência para aumento de casos de Covid-19 e outros tipos de SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave). Os dados são do boletim da InfoGripe, divulgado pela Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) nesta quinta-feira (23).

SC tem 95% de tendência para aumento de casos de Covid e outras síndromes respiratórias graves

Aumento em SC é puxado pelo aumento de casos de coronavírus entre adultos em Santa Catarina – Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Governo de SC/ND

Conforme o boletim, a tendência à longo prazo — quando considera-se dados das últimas seis semanas — é puxada pelo aumento de casos de Covid-19 entre adultos em Santa Catarina.

Na região Meio-Oeste e da Serra Catarinense, a probabilidade de aumento de casos de doenças respiratórias graves é de 95%, enquanto na região Norte a tendência é de 75% e no restante do Estado não há forte probabilidade de aumento.

De acordo com InfoGripe, os casos de SRAG em crianças estão associados a diferentes vírus respiratórios, tais como  o rinovírus, o Sars-CoV-2 (Covid-19), o VSR (vírus sincicial respiratório) e o adenovírus. Nos idosos, as ocorrências são principalmente em consequência do Sars-CoV-2.

Dive alerta para aumento de casos de Covid-19

A Dive (Diretoria de Vigilância Epidemiológica) informou que o número de casos de coronavírus mais que dobrou em três semanas. De outubro para novembro, o número de casos em SC passou de 1.165 para 2.581.

A Dive reforçou que a vacinação é a principal medida de combate contra a doença, principalmente entre grupos de risco.

Dive reforçou que a vacinação é a principal medida de combate contra a doença – Foto: Foto: Agência Brasil

Em Florianópolis, um a cada três testes de Covid-19 dá positivo

Adicionar aos favoritos o Link permanente.