Goiânia registra quarto maior índice de inflação oficial dentre capitais

Relatório divulgado pelo IBGE apontou maior variação para um mês de agosto, em nível nacional, desde 2000. Capital de Goiás ficou atrás apenas de Brasília, Vitória e Curitiba.

Setor de alimentação influenciou alta da inflação em Goiânia. | Foto: Reprodução

Goiânia registrou o quarto maior Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) no país. O número que representa a inflação oficial chegou a 1,05% na capital goiana, que ficou atrás apenas de Brasília (1,40%), Vitória (1,30%) e Curitiba (1,21%). O índice nacional foi de 0,87%, a maior variação para um mês de agosto desde 2000.

Dentre as 16 capitais pesquisadas, Goiânia foi uma das seis que teve o IPCA acima da média nacional. A cidade acumula a sétima maior inflação nos últimos 12 meses, de 10,54%. Para o cálculo, foram comparados os preços no período entre 29 de julho e 27 de agosto de 2021.

Conforme divulgou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a variação foi alavancada, principalmente, pelo setor de produtos e serviços. As maiores variações foram registradas, respectivamente, em: transporte, alimentação e bebidas e habitação.

No setor de transportes, apesar da queda no preço de passagens aéreas, a alta foi influenciada pelo valor dos combustíveis. A gasolina subiu 2,80% e o etanol, 4,50%. Além disso, houve reajuste no preço de veículos novos e usados.

Em nível nacional, os alimentos que registraram maior alta foram batata-inglesa (19,91%), café moído (7,51%) e frango em pedaços (4,47%). Já no setor de habitação, o aumento se deve principalmente pela energia elétrica (1,10%).

5º maior INPC

Além do IPCA, Goiânia registrou 1,08% de Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), o quinto maior do país. Além da capital de Goiás, Brasília (1,60%), Vitória (1,55%), Curitiba (1,13%) e São Paulo (1,13%) ficaram acima da média nacional, que foi de 0,88%.

O post Goiânia registra quarto maior índice de inflação oficial dentre capitais apareceu primeiro em Jornal Opção.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.