Golpista que vendia terrenos usando documentos falsos é preso em MT


Suspeito foi preso em flagrante tentando negociar uma venda em via pública. Arma e documentos falsos são apreendidas pela polícia
Polícia Civil
Um homem de 36 anos suspeito de aplicar golpes na venda de terrenos usando documentos falsos foi preso em Querência, a 945 km de Cuiabá, nessa quinta-feira (9). O suspeito foi autuado em flagrante pelos crimes de estelionato, uso de documento falso e porte ilegal de arma de fogo.
De acordo com a Polícia Civil, as investigações começaram após o aumento de ocorrência de estelionatos no município e registros de denúncias anônimas de que um casal estava aplicando golpes na cidade.
Durante buscas pela região, os policiais identificaram um dos suspeitos e passaram a monitorá-lo. Nessa quinta-feira, o suspeito foi preso em flagrante tentando negociar uma venda em via pública.
No carro dele, a polícia encontrou um revólver calibre 38 e diversas cópias de contratos com informações de imóveis.
Segundo a polícia, durante conversa com o suspeito, foi verificado que a pessoa que estava com o suspeito era uma vítima, a qual já havia depositado parte do dinheiro na conta do estelionatário, acreditando que estava adquirindo um terreno.
Em análise da situação, foi constatado que o documento de propriedade do terreno apresentado pelo suspeito era falso e o bem não lhe pertencia.
O suspeito foi encaminhado à Delegacia de Querência e, após ser interrogado, foi autuado em flagrante pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo, estelionato e uso de documento falso.
A polícia disse que as investigações continuam para identificar outras possíveis vítimas do estelionatário.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.