ICMBio aciona MPF para denunciar acampamento irregular de “trompetistas do apocalipse”

Trompetas do apocalipse – Foto: Reprodução

O Instituto Chico Mendes de Conversação da Biodiversidade (ICMBio) acionou o MPF para denunciar o acampamento não autorizado no pico Dedo de Deus. O local é situado na sede Guapimirim do Parque Nacional da Serra dos Órgãos, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Além do MPF, o 16º Grupamento de Bombeiro Militar foi acionado na prevenção de incidentes. Por conta da complexidade da operação de retirada dos ocupantes, decidiu-se pela não intervenção física forçada dos invasores.

Leia também

1- Eduardo Leite divulga nota de esclarecimento após processo de Chico Buarque

2- Roberto Jefferson é condenado a indenizar Eduardo Leite por ofensas homofóbicas

Infrações

Os infratores estariam praticando rituais religiosos no monte e tocando o que chamaram de “trompetas do apocalipse”, no dia 4. Alguns visitantes relataram ao ICMBio terem visto pelo menos duas pessoas pernoitando no local. Veja vídeos AQUI.

No dia 2, equipes do Parnaso flagraram um helicóptero sobrevoando o pico de 1.692 metros de altitude. Devido à longa distância, não foi possível identificar a numeração da aeronave.

Os invasores e as demais pessoas que colaboraram com os mesmos poderão ser multadas em valores entre R$ 500 e R$ 10 mil. A infração seria por descumprimento de regramento do Plano de Manejo em Unidades de Conservação Federais.

Dedo de Deus

O Dedo de Deus é o principal cartão postal do município de Guapimirim, símbolo do montanhismo no Brasil e um dos locais prediletos por amantes de esportes radicais e de ecoturismo. O acesso precisa ser autorizado pelo Parnaso.

O Dedo de Deus também está ilustrado nas bandeiras dos municípios de Guapimirim e de Teresópolis e na do estado do Rio de Janeiro.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.