Lewandowski suspende andamento de duas investigações contra Lula na Justiça Federal em Brasília

Os procedimentos apuram doações da Odebrecht ao Instituto Lula e a compra de um terreno para a sede do instituto e um apartamento em São Bernardo do Campo. Lewandowski suspende andamento de duas investigações contra Lula na Justiça Federal em Brasília
O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, suspendeu o andamento de duas investigações contra o ex-presidente Lula na Justiça Federal em Brasília. Os procedimentos apuram doações da Odebrecht ao Instituto Lula e a compra de um terreno para a sede do instituto e um apartamento em São Bernardo do Campo. Na prática, o ministro impede que os casos sejam reiniciados.
Segundo Lewandowski, quando o Supremo declarou que o então juiz Sergio Moro atuou de forma parcial no caso do triplex no Guarujá, ficou reconhecido indiretamente que os procuradores da Lava Jato também atuaram de forma irregular contra Lula.
O ministro atendeu a um pedido da defesa do ex-presidente. A decisão vale até que o Supremo decida sobre o requerimento dos advogados para que essas investigações sejam encerradas.
A defesa de Lula afirmou que a decisão reforça que os dois casos foram anulados pelo Supremo em virtude da suspeição de Moro e que nada pode ser reaproveitado.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.