Mercado inicia recuperação, Bitcoin sobe e Solana bate US$ 200, mas capitalização ainda sofre com queda

Mercado inicia recuperação, Bitcoin sobe e Solana bate US$ 200, mas capitalização ainda sofre com queda

A manhã desta quinta-feira (9) começou com ares de recuperação para o mercado de criptomoedas. Ainda sentindo os efeitos da maior queda e liquidação em massa do último trimestre, as moedas já começaram a se recuperar.

O Bitcoin, por exemplo, amanheceu com uma alta de 0,65%, se recuperando para US$ 46.418. A moeda Cardano também acumula uma alta de 4,76%, chegando a US$ 2,58 de acordo com os dados do TradingView.

A criptomoeda Solana, nos surpreendeu mais uma vez. Com uma alta acumulada de mais de 20% em apenas 24 horas, a moeda passou a marca dos US$ 200. Às 8h, a SOL operava com uma alta de 9,41%, por US$ 208.

A Ether, no entanto, não seguiu a tendência do Bitcoin e demais tokens e altcoins. No momento desta publicação, a ETH operava com uma baixa de 0,35%, por US$ 3.485.

A capitalização de mercado global de criptografia subiu mais de 1%, para US $ 2,09 trilhões, em comparação com o último dia. No entanto, o volume total do mercado de criptografia despencou mais de 25%, para US $ 179,57 bilhões

Venda em massa causa queda na capitalização

Apesar da tendência de valorização, a maioria das criptomoedas caiu ontem novamente. A queda parece ter acontecido devido a uma venda em massa observada no mercado e pelo comentário divulgado pelo FMI, que gerou pânico entre os detentores.

De acordo com ZebPay Trade Desk, surpreendentemente, a queda veio logo depois que El Salvador colocou o BTC em prática como moeda de troca.

No entanto, desde então, temos visto os volumes dispararem, já que em níveis mais baixos esses ativos parecem atraentes.

O Bitcoin, criptomoeda mais valiosa do mundo, caiu para menos de US $ 45.000 na terça-feira, apenas horas depois de ter sido lançado como moeda legal em El Salvador. O país é o primeiro a ter o Bitcoin como moeda oficial.

Os bancos centrais de Honduras e Guatemala estão de olho nas moedas digitais. Autoridades se declaram favoráveis após a adoção do Bitcoin por El Salvador.

Tomando caminho contrário, os Estados Unidos segue tentando barrar a entrada das criptomoedas em alguns setores. De acordo com a Coinbase, a Comissão de Valores Mobiliários planeja processar a bolsa de criptomoedas. O motivo seria os planos de lançar um programa que permite aos usuários ganhar juros emprestando ativos digitais.

Leia também: Kaspersky detecta trojan no WhatsApp que pode roubar credenciais

Leia também: Análise Solana: SOL sobe 700% e alcança top 6 dos criptoativos

Leia também: Auditor fiscal garante que Receita pode rastrear operações com criptomoedas no Brasil

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.