Morre motorista de ônibus que teve mais de 80% do corpo queimado em GO

Goiânia – Morreu neste domingo (12/9), o motorista de ônibus que teve mais de 80% do corpo queimado, após ser atacado dentro do veículo no Terminal Urbano de Anápolis, a cerca de 55 km da capital goiana. O caso aconteceu no dia 1º de setembro e foi registrado por câmeras de segurança. A suspeita do crime está presa.

Veja o vídeo:

Segundo a família de Walisson Barbosa dos Santos, de 35 anos, ele morreu após sofrer três paradas cardíacas durante a madrugada. De acordo com os familiares, ele também estava com um alto grau de infecção. Ao portal G1, a irmã da vítima, Gislaine Maria dos Santos, disse que eles esperam por justiça.

“Não era essa a notícia que queríamos dar, infelizmente. Esperamos Justiça pelo meu irmão”, disse ela.

O motorista, que saiu andando do terminal onde foi atacado, teve mais de 80% do corpo queimado. Ele ficou internado durante 11 dias no Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol).

Investigação

De acordo com a delegada responsável pelo caso, Cynthia Cristiane, durante depoimento, a suspeita informou que tomou a atitude porque era zombada por funcionários da empresa de transporte público pelo fato de ter mau hálito.

“Quando ela passava, as pessoas tampavam o nariz”, relata a delegada.

Policiais militares que a conduziram até a delegacia, ela entrou no terminal segurando uma garrafa que continha combustível, foi até o veículo onde o motorista estava, despejou o líquido pela porta e ateou o fogo.

Conforme a Polícia Civil, a partir da morte de Walisson, a mulher pode responder pelo crime de homicídio. O caso segue em investigação.


0

Incêndio

Segundo testemunhas, após uma discussão com o condutor do veículo, que ainda estava no ônibus, a autora do crime jogou álcool no homem e ateou fogo.

De acordo com o sargento Amorim, do Corpo de Bombeiros, que participou da ocorrência, a vítima teve mais de 80% do corpo queimado. Segundo o militar, apesar da gravidade do caso, provavelmente pelo uso da máscara de proteção facial, o homem teve as vias aéreas preservadas.

“Quando chegamos ao local, a vítima já estava caminhado para a viatura, quase não esperou que parássemos. Fizemos os procedimentos pré-hospitalares, como era caso de queimadura, e encaminhamos para o Hospital de Urgências de Anápolis, onde os médicos já estavam esperando. Na unidade, ele foi intubado para os procedimentos devido”, disse o sargento ao Metrópoles.

 

O post Morre motorista de ônibus que teve mais de 80% do corpo queimado em GO apareceu primeiro em Metrópoles.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.