Motor: Audi aposta na automação ao apresentar novo carro-conceito elétrico

Audi AG

Audi AG

O sedan Audi grandsphere combina luxo e conforto com uma oferta abrangente de experiência a bordo, com destaque para a direção autônoma nível 4

Falar de carros elétricos virou rotina para os jornalistas da imprensa especializada em automóveis. Mesmo representando uma fatia ainda pequena da oferta das montadoras em relação aos modelos à combustão, mais e mais exemplares são lançados a cada dia, sobretudo no mercado de luxo, reafirmando a tendência de uma mobilidade mais sustentável em um futuro não muito distante.

Em sintonia com a eletrificação e com o objetivo de mostrar uma visão de luxo progressivo, a Audi apostou em 2021 no lançamento da família “sphere”, cujos membros são três carros-conceito: Audi skysphere, Audi grandsphere e Audi urbansphere. O segundo deles, o “skysphere”, foi apresentado no início de setembro na Europa, deixando mais uma vez os apaixonados por tecnologia e admiradores da montadora alemã com um desejo que não será saciado, pelo menos por enquanto, já que o exemplar não será produzido em série ou comercializado.

LEIA TAMBÉM: Motor: Na era da comunicação, acelerar não basta

Mas, apesar de, por hora ficar no plano das ideias, o Audi grandsphere concept é um conceito que pode deixar os consumidores animados, trazendo as tendências da Audi na indústria automotiva em direção à transformação tecnológica. O sedan combina luxo e conforto com uma oferta abrangente de experiência a bordo, com destaque para a direção autônoma nível 4.

Este grau de autonomia contribui principalmente para o conforto do motorista, liberando o condutor da tarefa de dirigir quando possível, além de ter como um dos objetivos criar uma atmosfera semelhante à de um voo de primeira classe no interior do cockpit. Dessa maneira, o foco do grandsphere é a experiência, oferecendo uma sorte de possibilidades que vão da comunicação e do relaxamento ao trabalho ou retirada para uma esfera mais individual, com mais privacidade.

Além disso, um sistema de identificação de caminho abre as portas e ativa displays individuais e luz ambiente para receber o passageiro. Também de forma automática, a posição do motorista é detectada e uma série de recursos de conforto pessoal – como as configurações de controle de temperatura e posição dos bancos – são ajustados. Ao mesmo tempo, as preferências de consumo de conteúdo dos usuários também são identificadas por meio de um sistema de infotainment, que acessa os serviços usados recentemente pelos passageiros em seus dispositivos e os transfere facilmente para dentro do carro.

A ausência de volante, pedais ou painel convencional cria uma sensação de abertura e amplitude no interior do carro, que ainda conta com grandes superfícies de vidro, para-brisas e teto transparentes. Outro item que chama atenção, ou a aparente ausência dele, é o display, cujas telas pretas só se tornam aparentes na forma de projeções nas superfícies de madeira sob o para-brisa no momento em que as funções de direção são ativadas.

Audi AG

O interior do Audi grandsphere

No que diz respeito à performance, o Audi grandsphere concept possui dois motores elétricos com uma potência total de até 530 kW e um torque de 960 Newton metros. O alto torque possibilita uma aceleração de 0-100 km/h em pouco mais de quatro segundos, com limite da velocidade máxima para potencializar a autonomia. A tração é do tipo quattro e oferece eletronicamente tração nas quatro rodas sob demanda, além de proporcionar um equilíbrio preciso entre a dinâmica de direção e a eficiência energética.

O sistema de direção conta com uma tecnologia de carregamento de 800 volts, garantindo que a bateria possa ser carregada com até 270 kW em um tempo reduzido em estações de carregamento rápido. Apenas dez minutos são suficientes para carregar o equivalente a 300 quilômetros. Em menos de 25 minutos, você pode carregar a bateria de 120 kWh de 5% a 80%.

Para completar o conceito “sphere”, o design se une ao luxo, ao conforto e à tecnologia. O Audi grandsphere concept tem 5,35 m de comprimento, 2 m de largura e 1,39 m de altura. A distância entre-eixos de 3,19 m indica o valor máximo, que até supera a versão longa do atual Audi A8.

No final das contas, olhar para o novo membro da família “sphere” é como olhar para o futuro. O futuro da Audi e, de certa maneira, do mercado automotivo, repleto de planos tecnológicos que mexem com o anseio dos amantes de performance, da tecnologia, do luxo e, sobretudo, que cultivam um crescente interesse por soluções sustentáveis.

Letícia Datena é jornalista de esportes há oito anos, e atua no setor do automobilismo desde 2016. Já foi correspondente internacional dos canais Fox Sports e cobriu alguns dos campeonatos mais importantes do mundo, como o Rally Dakar, Rally dos Sertões, o WRC (World Rally Championship), Fórmula E e hoje é uma das responsáveis pelo departamento de criação de conteúdo da Stock Car.

Os artigos assinados são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem, necessariamente, a opinião de Forbes Brasil e de seus editores.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

O post Motor: Audi aposta na automação ao apresentar novo carro-conceito elétrico apareceu primeiro em Forbes Brasil.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.