Mulher é morta a facadas dentro da própria casa em Macapá; PM suspeita de feminicídio


Aldeniza dos Santos Gama, de 47 anos, foi assassinada nesta terça-feira (14). Amigo da família é o principal suspeito, que fugiu. Sede do 2º Batalhão da Polícia Militar (2º BPM), na Zona Norte de Macapá
PM/Divulgação
Uma mulher identificada como Aldeniza dos Santos Gama, de 47 anos, foi morta com 4 facadas dentro da própria casa na madrugada desta terça-feira (14), na Zona Norte de Macapá. Um amigo da família é o principal suspeito de matá-la. A Polícia Militar (PM) apontou que o caso se trata de feminicídio.
Duas filhas da vítima foram feridas pelo criminoso, que fugiu após o crime, segundo a PM. O crime ocorreu por volta das 5h, no bairro Parque dos Buritis. Aldeniza foi atacada no quarto onde dormia.
O 2º Batalhão da PM foi acionado por um filho de Aldeniza, que recebeu a ligação de uma irmã que estava no local do crime. De acordo com o relato, as filhas tentaram tomar a faca do criminoso, mas não conseguiram e foram feridas.
A polícia detalhou que, segundo a perícia, a mulher foi morta com 4 facadas. Quando os policiais chegaram na casa, encontraram a vítima caída no chão do quarto, de peito para baixo.
Os filhos informaram à polícia que o suspeito chegou a morar na casa de Aldeniza e era conhecido da família.
A PM realizou buscas na área, mas o homem não foi localizado até a publicação desta reportagem. O caso foi encaminhado para investigação da Polícia Civil.
Veja o plantão de últimas notícias do G1 Amapá
ASSISTA abaixo o que foi destaque no AP:
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.