• New Page 1

    RSSFacebookYouTubeInstagramTwitterYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTubeYouTube  

Ataque a creche de Blumenau completa 1 ano nesta semana, relembre outras tragédias

Próximo de completar um ano, o ataque a creche de Blumenau, no Vale do Itajaí, outra triste situação aconteceu na Finlândia na manhã desta terça-feira (2). Na ocasião, uma criança de 12 anos morreu e outras duas ficaram gravemente feridas na creche Cantinho Bom Pastor.

Ataque a creche completa um ano nesta sexta-feira (5) - Divulgação/Reprodução/ND

1
4

Ataque a creche completa um ano nesta sexta-feira (5) – Divulgação/Reprodução/ND

Chacina em Saudade aconteceu em 4 de maio de 2021 - Divulgação/Reprodução/ND

2
4

Chacina em Saudade aconteceu em 4 de maio de 2021 – Divulgação/Reprodução/ND

Um dos casos mais conhecidos, e tristes, no Brasil completou cinco anos em março.  - Divulgação/Reprodução/ND

3
4

Um dos casos mais conhecidos, e tristes, no Brasil completou cinco anos em março. – Divulgação/Reprodução/ND

Em 20 de abril, o massacre de Columbine completa 25 anos. - R7/Reprodução/ND

4
4

Em 20 de abril, o massacre de Columbine completa 25 anos. – R7/Reprodução/ND

O autor do ataque foi um aluno, também de 12 anos, que atirou contra os colegas. O tiroteio começou em torno de 9h da manhã, no horário local, em uma sala de aula. A polícia chegou pouco depois e deteve o menino após uma hora, na capital Helsinque.

Ataques como este, estão acontecendo cada vez mais, seja no exterior ou no Brasil. Segundo o relatório “Ataques às escolas no Brasil: análise do fenômeno e recomendações para ação governamental”, realizado pelo Ministério da Educação, o Brasil teve, entre 2002 e o momento de sua conclusão, outubro de 2023, 36 ataques a escolas, que resultaram em 164 vítimas, sendo 49 casos fatais e 115 pessoas feridas.

Tendo em vista os alto números de ataques às instituições de ensino, o Portal ND Mais separou alguns casos que mais chocaram o Brasil e o mundo.

Ataque a creche de Blumenau

Nesta sexta-feira (5), completa um ano de um dos dias mais tristes de Blumenau. Um homem, de 25 anos, pulou o muro e invadiu a creche Cantinho Bom Pastor e matou com uma machadinha quatro crianças.

O crime aconteceu por volta das 8h50, da quarta-feira (5), na creche. Além dos mortos, outros alunos também ficaram feridos. O agressor pulou o muro e invadiu o parquinho da escola, que abrigava aproximadamente 40 crianças.

Ataque a creche completa um ano nesta sexta-feira (5) – Foto: Divulgação/Reprodução/ND

O homem, então, passou a golpear, aparentemente de forma aleatória, os alunos. Após atingir oito estudantes na região da cabeça e do pescoço, o autor pulou novamente o muro e fugiu em uma moto. Em seguida, ele se entregou à polícia.

Desde o ataque a creche, várias ações foram tomadas pela prefeitura de Blumenau e pelo Governo do Estado de Santa Catarina.

Após o ataque a creche, várias flores foram deixadas em homenagens às vítimas – Foto: Divulgação/ND

Através do programa Rede de Segurança Escolar, a Polícia Militar está presente em mais de duas mil escolas, onde policiais militares efetuam policiamento de forma programada dentro e fora do ambiente escolar. Atualmente a PMSC (Polícia Militar de Santa Catarina) atendeu 4.286 escolas, públicas e privadas em 295 municípios.

Chacina em Saudades

Em 4 de maio de 2021, Saudades, no Oeste de Santa Catarina, foi marcada por um dos crimes mais horríveis do Brasil. O autor de 18 anos invadiu a creche Pró-Infância Aquarela, às 9h30 com a intenção de matar o maior número de pessoas.

Armado com uma adaga, o jovem sem histórico criminal, dirigiu-se até o local e atacou bebês, professoras e demais funcionárias da creche que atende alunos de 6 meses a 2 anos. Três crianças, uma professora e uma funcionária morreram no massacre.

Chacina em Saudade aconteceu em 4 de maio de 2021; acusado de ataque a creche foi condenado a mais de 300 anos de prisão – Foto: Divulgação/Reprodução/ND

O autor do ataque tentou tirar a própria vida, desferindo golpes da espada contra si mesmo. Mas sobreviveu e foi levado em estado grave a um hospital na cidade de Pinhalzinho.

Ele foi à júri popular e foi condenado pela morte de três bebês com menos de dois anos e duas professoras, além de 14 tentativas de homicídio com as qualificações de motivo torpe, cruel e emprego de recurso que dificultou a defesa das vítimas. O autor do ataque a creche foi condenado a 329 anos e 4 meses de prisão em regime, inicialmente fechado.

Ataque em Suzano

Um dos casos mais conhecidos, e tristes, no Brasil completou cinco anos em março. O massacre na escola Raul Brasil, em Suzano, em São Paulo, que resultou na morte de dez pessoas. Os autores, que eram ex-alunos da instituição de ensino, tiraram a própria vida após o crime.

Minutos antes do brutal massacre, eles já haviam matado o tio de um dos atiradores. O crime, que deixou dez mortos, 11 feridos e ficou conhecido como “Massacre de Suzano”, abalou todo o Brasil e deu início a discussões sobre segurança, educação, acompanhamento psicológico a alunos em instituições de ensino em todo o país.

Um dos casos mais conhecidos, e tristes, no Brasil completou cinco anos em março. – Foto: Divulgação/Reprodução/ND

Os autores do crime tinham 17 e 25 anos e, sem dificuldades, entraram na escola onde haviam estudado com armas brancas, como machados e arco e flechas, e de fogo.

O que se sabe através das investigações é que os autores do crime eram ativos em fóruns da internet, onde predominam os discursos de ódio.

As pessoas que forneceram as armas de fogo aos criminosos chegaram a ser presas, condenadas e cumpriram penas de quatro anos, convertidas em prestação de serviços à comunidade.

Santa Fé High School

Em 18 de maio de 2018, um adolescente de 17 anos tirou a vida de 10 adolescentes e deixou outras 10 feridas na Escola de Santa Fé, no Texas, Estados Unidos. O autor usou uma espingarda e um revólver calibre 38 de seu pai, que tinha autorização para possuir armas e foi preso pela polícia.

Ele se rendeu quando a polícia chegou ao colégio e relatou que tinha a intenção de se matar, mas que não teve coragem. As vítimas foram nove estudantes e um professor.

Massacre em Realengo

Outro crime que chocou o Brasil foi o massacre na escola municipal Tasso da Silveira, localizada no bairro de Realengo (RJ). A chacina completa 13 anos no domingo (7). Em 7 de abril de 2011, 12 estudantes foram covardemente executados e mais de 22 feridos.

O autor de 23 anos e ex-aluno da escola teriam começado a disparar contra os estudantes por volta das 8h. Testemunhas relatam que ele atirava nas primeiras pessoas que via pela frente. O autor foi interceptado por policiais, mas tirou a própria vida antes de ser detido.

Chacina em Beslan

O massacre que ocasionou mais mortes aconteceu em 1º de setembro de 2004. Com duração de três dias, cerca de 30 extremistas chechenos fizeram mais de mil reféns, incluindo cerca de 800 crianças, em uma escola russa em Beslan, na Ossétia do Norte.

Os autores exigiam o fim da guerra Chechênia. Vários reféns foram executados e os militantes colocaram explosivos no ginásio onde reuniram o restante das crianças.

As forças de segurança russas decidiram invadir o local no terceiro dia, na operação que deixou mais de 300 mortos, entre os quais mais de 180 crianças.

Massacre de Columbine

Em 20 de abril, o massacre mais conhecido completa 25 anos. A tragédia do massacre de Columbine não foi o primeiro, mas é a tragédia que mais deixou marcas globais.

O massacre na escola em Littleton deixou 15 mortos, incluindo os dois jovens que planejaram o atentado em detalhes e tiraram a própria vida depois de serem cercados pela polícia e pelas câmeras de televisão por várias horas.

Em 20 de abril, o massacre de Columbine completa 25 anos. – Foto: R7/Reprodução/ND

Os dois adolescentes planejavam explodir bombas de propano dentro da cafeteria lotada. Os artefatos não explodiram e eles decidiram, então, entrar no prédio da escola para tentar atirar na bomba, que nunca foi detonada.

Foi o primeiro da era digital, o primeiro em que os atiradores deixaram registros em vídeo do que pretendiam fazer e o primeiro a ser coberto no auge dos grandes canais de notícias 24 horas dos EUA.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.
 
  • New Page 1