Parece ou não? Compositor de Martinho da Vila processa Adele por plágio

A cantora britânica Adele se envolveu em uma situação bastante curiosa nesta semana. Isso porque o compositor mineiro Toninho Geraes, que já escreveu para Martinho da Vila, está acusando a superestrela, vencedora de Grammys e  Globo de Ouro, de plágio.

Adele foi acusada de plágio por compositor brasileiro

Adele foi acusada de plágio por compositor brasileiro – Foto: Internet/Reprodução/ND

As informações foram divulgadas pela revista Veja nesta sexta-feira (10).

Em entrevista ao veículo, o músico brasileiro afirma que a artista plagiou o sucesso “Mulheres”, famoso pela voz de Martinho da Vila, na música Million Years Ago, do disco 25, de 2015. Um hit também.

Segundo a revista, duas notificações extrajudiciais foram enviadas a Adele em maio e ao produtor e coautor da música, Greg Kurstin.

Foram notificados também a gravadora XL Recordings/Beggars Group e o grupo Sony.

O compositor brasileiro defende que os artistas britânicos “se apropriaram das primeiras notas da introdução e as reproduziram no início, no refrão e no final da faixa”. Ele vai além e fala que os indícios de cópia somam mais de três minutos da música – ou 87% dela.

Compare:

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.