Pesquisa aponta variação de 420% no preço de materiais de construção em Vitória


Levantamento considerou 24 itens e foi realizado em nove lojas da cidade.
Pesquisa do Procon de Vitória mostrou diferença de até 420% nos materiais de construção
Reprodução/TV Gazeta
Uma nova pesquisa de preços realizada pelo Procon de Vitória aponta que alguns materiais de construção podem custar até quatro vezes mais dependendo do estabelecimento escolhido pelos clientes.
O levantamento considerou 24 itens e foi realizado em nove lojas físicas da cidade.
O principal vilão da variação de preço foi o vaso sanitário acoplado, de cor branca, com 420,88% de variação no valor de venda ao consumidor.
O menor preço encontrado foi de R$ 169,50 e o maior de R$ 882,90.
A segunda maior variação foi do tanque de mármore sintético (0,60 cm x 0,60 cm) com 302,65%. O item foi encontrado em um estabelecimento a R$ 86,90 e em outro a R$ 349,90.
A terceira maior variação, de 300%, foi do metro cúbico da areia grossa cm valores entre R$ 90 e R$ 360.
De acordo com a gerente do Procon de Vitória, Denize Izaita, a pesquisa foi feita entre os dias 02 e 03 de setembro, considerando os preços nas lojas físicas.
“É necessário que o consumidor pesquise muito antes de comprar itens de construção ou reforma, uma vez que os preços podem variar muito. A pesquisa vem justamente para ajudar os consumidores nessa busca de uma forma mais facilitada”, disse.
Areia fina e brita com mais de 200% de variação de preço
O metro cúbico da areia fina teve uma variação de 249,91%. O menor preço encontrado foi de R$ 109,90 e o maior foi de R$ 384,00.
O metro cúbico de pedra brita foi encontrado a R$ 139,90 em um estabelecimento e a R$ 456, uma variação de 225,95%.
VÍDEOS: tudo sobre o Espírito Santo
Veja o plantão de últimas notícias do G1 Espírito Santo
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.