PM usa sirene e megafone para evitar intoxicação de população em incêndio

 
Moradores de Monte Sião, no Sul de Minas, foram surpreendidos na madrugada desta sexta-feira (10/9) com um alerta sonoro emitido pela Polícia Militar. Após um incêndio atingir a vegetação às margens da MG-459, os militares usaram sirene e megafone para acordar a população e evitar que os cidadãos inalassem a fumaça enquanto dormiam.
O alerta foi emitido na Rua Vereador Antônio Francisco, no bairro Morada Nova, que fica paralela à rodovia. De acordo com a Defesa Civil, que foi acionada por volta da 0h30, o incêndio tomou grandes proporções e gerou muita fumaça – o que poderia causar intoxicação.
“No local, eles (policiais militares) encontraram uma fumaça densa, que partia para dentro das residências. Então, tendo em vista esse risco, eles optaram por emitir o alerta da sirene por toda a extensão dessa rua e também o uso do megafone do carro da polícia, orientando os moradores a irem pra um local com uma qualidade de ar melhor”, explica o coordenador da Defesa Civil, Fernando Massaro, que também mora na rua.
 
 
Ainda segundo Fernando Massaro, alguns moradores não entenderam o que estava acontecendo em um primeiro momento. Porém, ao verem a forte fumaça, entenderam o motivo do alerta e procuraram pontos mais arejados dentro das residências. 
O combate às chamas durou cerca de 40 minutos. A Defesa Civil começou pelas margens da rodovia e, em seguida, se deslocou até a rua para evitar que o fogo se propagasse em terrenos baldios, que já tinham princípio de incêndio.
Ainda conforme a Defesa Civil, nenhuma casa foi atingida. 
 
(Gabriella Starneck / Especial para o EM) 
 
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.