São Paulo anuncia bolsa de R$ 1 mil para empreendedores informais

São Paulo – O governo de São Paulo anunciou nesta sexta-feira (10/9) o Bolsa do Povo Empreendedor, que vai pagar R$ 1 mil, divididos em duas parcelas de R$ 500, para que empreendedores deixem a informalidade. Serão 100 mil vagas em todo o estado.

A bolsa é condicionada a realização de um curso profissionalizante com carga horária de 10 a 20 horas, que será ministrado pelo Sebrae. Todos podem se inscrever, mas a bolsa será concedida prioritariamente para pessoas de baixa renda, mulheres, negros, pardos e indígenas e pessoas com deficiência.

Ao todo, o governo vai investir R$ 100 milhões no programa, que, além do curso e da bolsa, vai instruir os participantes a formalizarem seus negócios com abertura do registro de Microempreendedor Individual (MEI), que garante direitos previdenciários.

As inscrições começam nesta sexta, por meio do site bolsadopovo.gov.br.

O curso profissionalizante terá aulas básicas sobre empreendedorismo, marketing, finanças e apoio na formalização. Serão 70 mil vagas presenciais, nos municípios onde há unidades do Sebrae, e 30 mil vagas on-line.  Serão quatro turmas até novembro, a primeira se inicia em 27 de setembro. Ao todo, serão 1.500 turmas em 260 municípios.

 

O post São Paulo anuncia bolsa de R$ 1 mil para empreendedores informais apareceu primeiro em Metrópoles.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.