Sargento da PM morre aos 48 anos em acidente logo após sair do trabalho em SP


Vítima tinha apenas 48 anos e já estava na Polícia Militar desde 2000. Sargento morava na Baixada Santista e trabalhava em São Paulo. Sargento da PM morreu aos 48 anos após acidente de moto na volta de trabalho em SP
Divulgação/PM
O sargento da Polícia Militar Clayton Batista Bananal, de 48 anos, morreu após um acidente de trânsito em Santos, no litoral de São Paulo, enquanto retornava do trabalho para a casa. Segundo a PM informou ao G1 neste domingo (12), o policial estava na corporação desde 2000. Ele deixa esposa e duas filhas.
Policiais Militares foram acionados para atender ocorrência de acidente de trânsito envolvendo um motociclista. Ao chegar ao local, a equipe apurou que uma testemunha solicitou socorro, pois a vítima havia acabado de cair de moto e colidido com uma mureta.
O acidente ocorreu por volta de 0h20 na avenida Jornalista Armando Gomes, no bairro Bom Retiro. Em nota, a Prefeitura de Santos informa que a ocorrência foi atendida pela CET na Ponte Mariângela Duarte (sentido Zona Noroeste) x Rotatória. Segundo a Companhia, o ocorrido envolveu o motociclista que teria sofrido queda acidental, provavelmente após colidir com a mureta, no lado direito.
O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas constatou o óbito da vítima no local e a Polícia Civil foi chamada para dar andamento ao caso. O local foi liberado as 2h25, após os trabalhos da perícia. O caso foi registrado como morte suspeita e choque no 5º DP de Santos.
Por meio de nota, o Quadragésimo Sexto Batalhão de Polícia Militar, unidade em que o PM era efetivo, confirmou a morte do sargento e lamentou o ocorrido. Segundo informado pela corporação, ele ingressou na Polícia Militar do Estado de São Paulo em 28 de fevereiro de 2000, servindo no 3º BPM/M e 46º BPM/M. Em 2018, concluiu o curso na Escola Superior de Sargentos (ESSGT), sendo promovido a 3º sargento e retornando novamente ao efetivo do 46º BPM/M.
A corporação afirma ser grata a todo legado deixado pelo sargento e desejou condolências aos amigos e familiares do policial militar.
VÍDEOS: as notícias mais vistas do G1
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.