STF deve suspender MP que altera Marco Civil da Internet, opina Aras

O procurador-geral da República, Augusto Aras, enviou ao Supremo Tribunal Federal, nesta segunda-feira (13/9), seis pareceres nos quais defende a suspensão cautelar (liminar) dos efeitos da Medida Provisória 1.068/20201 até o julgamento definitivo do mérito pelo Plenário do Supremo Tribunal Feder…
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.