Suspeito de furtar loja de celulares é preso pela Polícia Civil após ser identificado pelas digitais


Caso foi registrado em Gurupi, no sul do estado. Mandado de prisão foi expedido pela Justiça e cumprido pelos agentes da 86ª Delegacia. Digitais foram encontradas no forro de loja
SSP/Divulgação
O suspeito de invadir uma loja de celulares em Gurupi, no sul do estado, e furtar mais de 30 aparelhos celulares e tabletes foi preso pela Polícia Civil. O homem de 38 anos foi identificado graças às imagens das câmeras de segurança e por ter deixado digitais no forro do estabelecimento.
Ele foi preso pelos agentes da 86ª Delegacia de Gurupi em cumprimento a uma ordem da Justiça nesta terça-feira (14). Durante a operação os policiais também recuperaram os aparelhos furtados que ainda estavam com o investigado.
O crime aconteceu em agosto deste ano. Logo após o furto a Polícia Científica foi chamada e encontrou fragmentos de impressões digitais em boas condições no teto da loja. Os técnicos compararam com os registros de biometria da polícia e conseguiram identificar o suspeito.
O mandado de prisão foi expedido pela Justiça nesta terça-feira (14) e o suspeito localizado em uma casa em Gurupi. Ele foi levado para delegacia e depois para o presídio.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.