TJ-SP nega HC preventivo contra passaporte de vacinação na capital

Por não vislumbrar a presença do fumus boni iuris e do periculum in mora, o desembargador Moacir Peres, do Órgão Especial do Tribunal de Justiça de São Paulo, negou liminar pedida por um morador da capital paulista para não ter que apresentar comprovante de vacinação para entrar em eventos e esta…
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.