VÍDEO: Ciro, PCdoB e Tico Santa Cruz são detonados em ato convocado por eles

Ciro Gomes
Ciro, PCdoB e Tico Santa Cruz foram criticados por Nando Moura – Foto: Reprodução/Twitter

O bolsonarista arrependido Nando Moura fez um discurso detonando Ciro Gomes, PCdoB e Tico Santa Cruz. Durante o ato feito na Avenida Paulista contra Bolsonaro, o youtuber não poupou críticas. Neste domingo, ele criticou também Kim Kataguiri e Arthur do Val.

“Por mais que eu goste do Kim e do Arthur, é um erro estratégico. Porque muito cara que não veio para as ruas é porque não quer ficar perto desses caras. O Ciro Gomes é o cara que falou que receberia o Sergio Moro na bala. Falou que a Venezuela era uma democracia igual ao Brasil. Vou ficar do lado do cara? Tá louco”, disparou.

Nando ainda acusou o PCdoB, que foi representado pro Orlando Silva, de defender ditaduras. “PCdoB é puxadinho do PT. Eles disseram que a Coreia do Norte e a Venezuela eram uma democracia”, detonou.

“E o Tico Santa Cruz escreveu uma carta sem citar nomes. Essa carta dizia como ele iria torturar, com requintes de crueldade, aqueles caras que não pensavam como ele. Então vou fazer o que ao lado desse cara? Só se for pra fazer igual o Villa: ‘Fascista’”, completou.

Leia mais:

1 – Barroso reforça compromisso do TSE com aumento da transparência do sistema eleitoral

2 – Movimentos Sociais planejam novo ato do ‘Fora Bolsonaro’ para 2 de outubro

3 – Por que as manifestações do MBL floparam? Por Miguel do Rosário

Ciro Gomes, Tico Santa Cruz e PCdoB na manifestação

Ciro Gomes, Tico Santa Cruz e PCdoB aderiram as manifestações feitas pela direita. Segundo eles, o objetivo era endossar o coro contra o presidente Bolsonaro. Só que acabaram não sendo bem recebidos por um dos grupos que organizou o ato na Paulista. Estiveram no local cerca de 6 mil pessoas.

Movimentos Sociais, sindicatos e partidos de esquerda, como PT e PSOL, não participaram das manifestações. Eles decidiram que farão atos pelo país no dia 2 de outubro.

Veja o vídeo:

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.