Você viu? Cantor de forró e influencer mortos, protestos no feriado, ‘doença da urina preta’ em queda e mais notícias da semana


Leia seleção de reportagens publicadas no G1 Amazonas com as principais notícias de 5 a 11 de setembro. Os assassinatos de um cantor de forró e de um influencer foram destaques entre as notícias no Amazonas nesta semana. Protestos no feriado de 7 de setembro, casos da “doença da urina preta” em queda e cursos do Cetam também chamaram atenção. Reveja:
Cantor de forró assassinado
Cantor morreu após ser atingido, por pelo menos cinco tiros, na madrugada desta quinta-feira (09)
Reprodução/Redes sociais
O cantor de forró Romário de Jesus, de 27 anos, morreu após ser alvo de tiros em Manaus, na quinta-feira (9). Uma familiar disse que a vítima comemorava o aniversário dele em uma casa de shows na Avenida do Turismo, bairro Tarumã. O cantor saiu do evento no fim da madrugada, quando foi vítima do crime.
Conhecido no meio artístico como “Romarinho – O Bruxo do Amazonas”, ele já tinha alcançado 2 milhões de visualizações no YouTube e havia lançado um álbum chamado “Di Respeito”. Nas redes sociais ele contava com mais de 100 mil seguidores.
ROMARINHO: Cantor tinha realizado o sonho de lançar CD
MANAUS: Polícia recolhe cápsulas de fuzil na rua em que cantor de forró foi baleado
No velório do cantor, um influencer foi morto
Um influencer de 24 anos foi assassinado a tiros na noite de quinta-feira (9), no distrito de Cacau Pirêra, no município de Iranduba. O crime ocorreu em frente ao local do velório do cantor de forró Romário de Jesus.
Segundo a polícia, Marco Illguinner Paiva de Menezes era amigo do artista. Antes de ser morto, o influencer fez uma live para uma rede social na frente da quadra de esportes.
Influencer é morto durante velório de cantor de forró no AM
Um carro com som, conhecido popularmente como “paredão”, estava no local do velório. Segundo a publicação de Ilguinner, esse era um pedido do cantor de forró. Na live, foi possível ouvir o momento do tiroteio e a vítima tentando correr.
Protestos no 7 de setembro
O feriado da Independência foi marcado por protestos em todos os estado brasileiros. Em Manaus, houve manifestações contra e a favor do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).
Manifestantes fazem protestos a favor e contra Bolsonaro em Manaus
Manifestantes fizeram um ato contra Bolsonaro no Largo do Mestre Chico, Centro de Manaus. No local, as pessoas seguravam cartazes pedindo a saída do presidente, criticando o discurso de ódio e contra a política de porte de armas.
Os atos a favor do presidente aconteceram no Centro Cultural Povos da Amazônia, na Zona Sul, Praça do Congresso, no Centro, e Complexo Turístico da Ponta Negra, na Zona Oeste. Os manifestantes defendiam pautas antidemocráticas e faziam ataques ao Supremo Tribunal Federal (STF).
Cursos do Cetam
O Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) vai ofertar 2.070 vagas para 43 diferentes cursos de qualificação profissional. As inscrições serão abertas na segunda-feira (13), no site do Cetam, das 6h às 23h59 ou até as vagas serem preenchidas.
As aulas serão presenciais e ocorrerão na nova escola do Cetam na Zona Norte, a ser inaugurada ainda neste mês. O candidato inscrito será informado, por e-mail e pelas redes sociais da instituição, sobre o dia de início das aulas.
‘Doença da urina preta’ em queda
O Amazonas enfrenta, desde 21 de agosto, mais um surto de rabdomiólise, síndrome associada à “doença da urina preta”. Porém, os números da doença já estão em queda no estado.
O estado ficou cinco dias sem registrar novos casos da doença, mas teve 1 caso confirmado na terça-feira (7) e mais 6 casos na quinta-feira (9). Atualmente, são 61 casos confirmados de rabdomiólise no Amazonas.
Itacoatiara zera número de internações por rabdomiólise
Durante a força-tarefa do Governo do Amazonas, foram coletadas amostras da água dos rios que banham os municípios notificadores dos casos, de peixes contaminados, de frutos que ficam dentro da água dos rios e servem de alimento para os pescados; além de amostras de sangue e de soro dos pacientes hospitalizados pela síndrome.
Os materiais foram encaminhados ao Laboratório Central de Saúde Pública da FVS-RCP (Lacen/FVS-RCP) para analisar e identificar quais dos materiais podem estar incluídos na cadeia de contaminação.
Início do surto: Itacoatiara zera número de internações por ‘doença da urina preta’
Doença da urina preta: o que se sabe sobre possível surto no Amazonas
Surto: Governo determina restrições no consumo de peixes em Itacoatiara
Rabdomiólise: Pedreiro que teve família inteira infectada lamenta surto: ‘Minha mãe infelizmente não resistiu’
Postos de combustíveis irregulares
O Instituto Municipal de Ordem Social e Planejamento Urbano (Implurb) começou a cumprir uma decisão judicial que mandou interditar e suspender as atividades de postos de combustíveis irregulares em Manaus.
A Justiça intimou a prefeitura a cumprir a sentença, que foi proferida em 2014, mas havia um recurso pendente de julgamento. Além de fechar os estabelecimentos, outras medidas a serem tomadas são embargo e posterior demolição.
Procon fiscaliza postos de combustíveis no Amazonas
Divulgação
Veja vídeos mais assistidos do G1 Amazonas
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.