WWF e Tesco lançam experimento em alimentação de bovinos para ajudar a combater as mudanças climáticas

 Westend61/Getty Images

Westend61/Getty Images

A Tesco e a WWF oferecem aos produtores de leite um subsídio de 80% para plantar sementes de herbal leys, com baixos danos no solo e na água

A multinacional varejista britânica Tesco, dona de pequenas lojas e hipermercados, e o WWF (Fundo Mundial para Natureza, em tradução livre) anunciaram recentemente o lançamento de um experimento para oferecer subsídios aos produtores de leite que incentiva o cultivo da alimentação de bovinos de maneira mais sustentável com o propósito de ajudar a combater as mudanças climáticas.

O projeto foi criado para ajudar a reduzir o impacto ambiental da cesta de compras média.

LEIA TAMBÉM: Multinacional vai explorar o uso de algas marinhas como fonte alternativa de fibra para papel e embalagem

O método fornece a 15 agricultores do TSDG (Grupo de Leite Sustentável da Tesco) um subsídio de 80% para plantar sementes de herbal leys, uma mistura de grama que enriquece o solo usado para alimentar vacas leiteiras.

A mistura de solo consiste em diferentes espécies de plantas, o que pode ajudar a aumentar a biodiversidade na fazenda, atraindo uma variedade de outras espécies, como insetos. Além disso, a mistura pode reduzir a pegada de carbono devido à necessidade reduzida de fertilizantes artificiais.

Outros benefícios da mistura de solo incluem uma melhoria na saúde do solo, qualidade da água e saúde animal.

A paixão dos britânicos pelo leite, apesar das vacas serem responsáveis por 2% das emissões de gases de efeito estufa do Reino Unido, incentivou esta abordagem com visão de futuro para reduzir as emissões de carbono associadas à pecuária leiteira.

Desde 2016, os produtores de leite da Tesco atenuaram suas emissões de carbono em 6,5%. A companhia agora introduziu novas metas de redução de emissões para ajudar os agricultores do TSDG a diminuir as emissões em mais 10% até 2025.

O experimento com as herbal leys é apenas uma das muitas medidas introduzidas pela Tesco para cortar as emissões de carbono e melhorar a biodiversidade nas fazendas. Se esse esquema for um sucesso, a Tesco e o WWF pretendem oferecer a mais agricultores do TSDG a oportunidade de participar de projetos futuros.

O gerente de agricultura da Tesco, Tom Atkins, disse: “Queremos garantir que estamos fazendo tudo o que podemos para continuar a apoiar nossos agricultores e, nesta década crítica para o clima e a natureza, ajudar a tornar nossas fazendas de leite as mais sustentáveis no mundo. Continuaremos a trabalhar com nossos agricultores para reduzir as emissões de carbono e continuar a aumentar a quantidade de biodiversidade na fazenda”.

VEJA MAIS: Como o ataque às torres gêmeas influenciou a plantação de árvores na Torre Mata Atlântica, da Cidade Matarazzo

“Também trabalharemos juntos em iniciativas mais inovadoras, como nosso projeto com as herbal leys, que deve trazer enormes benefícios em termos de saúde do solo e biodiversidade”, acrescenta.

O especialista em agricultura sustentável do WWF, Callum Weir, também afirmou que: “Os agricultores do Reino Unido têm um papel importante a desempenhar para trazer de volta à natureza à nossa paisagem por meio de práticas agrícolas sustentáveis. Soluções baseadas na natureza, como as herbal leys, podem desempenhar um papel no combate às mudanças climáticas e ajudar a apoiar o objetivo comum do WWF e da Tesco de reduzir pela metade o impacto ambiental da cesta de compras média”. (Com Climate Action)

 

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

O post WWF e Tesco lançam experimento em alimentação de bovinos para ajudar a combater as mudanças climáticas apareceu primeiro em Forbes Brasil.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.