Curso da UFRJ discute diversidade e inclusão no jornalismo

A importância de evitar estereótipos e preconceitos no jornalismo e os desafios do mercado da comunicação para profissionais pretos são alguns dos temas do curso Diversidade, Inclusão e Novos Formatos no Jornalismo Pós-Cultura Digital. A iniciativa É da Universidade Federal do Rio de Janeiro, em parceria com a Rede de Jornalistas Pretos Pela Diversidade na Comunicação e o Pontão de Cultura Digital da Escola de Comunicação da UFRJ.

Em modalidade presencial e remota, o curso é gratuito e tem vagas abertas até 6 de março para candidatos de todo Brasil.

Serão 60 horas de formação, distribuídas em 18 aulas, com duração de aproximadamente duas horas, às sextas-feiras. Entre os professores, nomes nacionais e internacionais especialistas na área. Com início no dia 8 de março, os encontros estão programados para acontecer até julho. A previsão dos organizadores é que mais de 400 pessoas participem desta primeira edição.

Ivana Bentes, pró-reitora de Extensão da UFRJ e uma das coordenadoras do curso, explica o projeto.

“A nossa ideia é trazer profissionais, jornalistas negros de todo o Brasil, jornalistas, mulheres, pessoas que representam essa diversidade na produção do próprio conteúdo, para falar, enfim, desses impasses, para falar de questões éticas, e dessas questões da diversidade, que impactam assim, nessa cultura da comunicação como um todo e mais, impactam na nossa vida cotidiana”.

A jornalista, apresentadora da TV Brasil e uma das professoras do curso, Luciana Barreto, ressalta alguns assuntos a serem discutidos.

“Nós temos que trabalhar os muitos aspectos que envolvem a comunicação antirracista desde a quantidade de profissionais pretos pensando a comunicação antirracista dentro dos meios de comunicação, o papel de protagonismo de alguns desses profissionais, mas até o olhar sobre a notícia, o olhar sobre a escolha da notícia, e isso é fundamental para a gente ter uma comunicação verdadeiramente democrática”.

Serão abordados ainda temas como evolução do mercado de comunicação e o que ainda precisa ser feito para a ampliar a representatividade e a inclusão. Mais informações sobre o curso em extensão.ufrj.br.

Direitos Humanos Inscrições gratuitas vão até dia 6 de março Rio de Janeiro 05/03/2024 – 15:20 Tâmara Freire / Fran de Paula Carolina Pessoa – repórter da Rádio Nacional Curso Diversidade inclusão e novos formatos no jornalismo pós-cultura digital jornalistas pretos terça-feira, 5 Março, 2024 – 15:20 147:00

Adicionar aos favoritos o Link permanente.