Contratações feitas por microempresas impactam na criação de empregos

Um estudo realizado pelo Sebrae, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, mostra que além de serem responsáveis por cerca de 8 a cada 10 novas vagas de trabalho, as contratações feitas por microempresas e empresas de pequeno porte que optam pela arrecadação de tributos pelo Simples Nacional, impactam na criação de empregos em toda a economia. Segundo o estudo, a cada dois empregos gerados pelos pequenos negócios, outro emprego adicional é criado indiretamente.

As empresas optantes do Simples faturam entre R$ 360 mil até R$4,8 milhões por ano.  E outro índice detectado pelo levantamento aponta que a cada R$ 1 milhão de aumento no faturamento do grupo de empresas do Simples de modo global,  são criados, em média, 16 novos empregos.  Quando o recorte é analisado dentro do setor de Comércio e da Construção Civil, os dados são ainda mais positivos: são gerados 20 empregos, em média. 

Segundo o Sebrae, apenas no primeiro trimestre deste ano, foram criadas 214.413 micro e pequenas empresas. O número é 9,2% superior ao de 2022. Quando somado o primeiro trimestre, mais o mês de abril deste ano, 540,5 mil oportunidades de emprego foram de responsabilidade das micro e pequenas empresas. Isto representa 76% do saldo de vagas totais criadas no país no período.

Economia Foram criadas 214.413 micro e pequenas empresas no 1º trimestre do ano São Luís 14/06/2023 – 14:08 Leila dos Santos / Pedro Lacerda Madson Euler – Repórter da Rádio Nacional Geração de Emprego Simples Nacional Sebrae quarta-feira, 14 Junho, 2023 – 14:08 105:00

Adicionar aos favoritos o Link permanente.